EUA e Reino Unido preparam falsificações sobre círculo próximo de Putin, indica fonte – Sputnik Brasil

https://br.sputniknews.com/europa/2019071314204449-eua-e-reino-unido-preparam-falsificacoes-sobre-circulo-proximo-de-putin-diz-fonte/

EUA e Reino Unido preparam falsificações sobre círculo próximo de Putin, indica fonte

Fake news

Os serviços secretos dos EUA e do Reino Unido estão preparando falsificações sobre o círculo próximo do presidente russo Vladimir Putin, bem como sobre a liderança do Ministério da Defesa, disse uma fonte à agência Sputnik.

De acordo com a fonte militar e diplomática, está em curso uma fase ativa da campanha anti-russa organizada por serviços secretosocidentais para desacreditar políticos do círculo próximo do presidente russo e da liderança do Ministério da Defesa e justificar novas sanções contra a Rússia.

“Realizam-se ações muito agressivas na área midiática. Como parte das já indisfarçadas ações provocatórias, especialistas dos serviços secretos dos EUA e do Reino Unido estão fabricando informações falsas sobre a liderança russa”, disse a fonte.

De acordo com ela, em termos gerais, esta campanha repete o cenário do chamado Panama Papers (dossiê da mídia ocidental sobre empresas offshore em 2015): são geradas informações artificialmente, vantajosas para o Ocidente, que são jogadas na mídia através de organizações controladas pelo Departamento de Estado dos EUA. Entre eles, a fonte nomeou o Projeto de Investigação de Corrupção e Crime Organizado (OCCRP) e o Consórcio Internacional de Jornalismo Investigativo (ICIJ).

Campanha anti-russa

Segundo ela, depois, essas notícias “falsas” chegam à mídia, incluindo àquela controlada por financistas influentes dos EUA. Neste caso, estamos falando das numerosas fundações de George Soros e William Browder, acrescentou a fonte da agência.

Além disso, a nova etapa da campanha anti-russa envolve publicações abertamente financiadas pelas autoridades dos EUA, incluindo aquelas reconhecidas na Rússia como sendo agentes estrangeiros: a Rádio Svoboda, OCCRP e outros, apontou.

“Tal como no caso do dossiê do Panamá, apesar do absurdo das acusações feitas, a Casa Branca usa estes pretextos informacionais para justificar novas sanções. Tais ações são uma interferência direta nos assuntos internos da Rússia para desestabilizar a situação no país, enfraquecer o potencial econômico da Rússia e criar instrumentos de influência política sobre sua liderança”, conclui o interlocutor da agência.

Publicado por MarcFlav

um esquizoide da raça dos indignados, denunciando obscenidades na web.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: